Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Ter | 17.01.17

Ando a comer como uma maluquinha

comilona 7.jpg

 

 

 

Bom... não sei se as maluquinhas comem assim. Provavelmente algumas maluquinhas, ou malucas de determinado género.

 

O facto é que não me tenho sentido muito bem mentalmente e tenho comido como se não visse comida há semanas.

 

É evidente que isto é emocional. Ando cansada, muito cansada.

 

As noites têm sido péssimas porque não conseguimos dormir mais de 4 horas (nos dias bons), de dia pareço um zombie (mal consigo raciocinar) e de tarde quero fazer tantas coisas que acabo por não fazer nada (de jeito).

 

O resultado é que tenho comido de uma forma absurda.

 

Nem se trata de comer porcarias, porque não tenho porcarias em casa. Trata-se de comer de forma compulsiva e nervosa.

 

Por exemplo, tinha no trabalho um pacote de bolachas sem açúcar para ir comendo ao lanche durante a semana. Papei mais de metade hoje. Mais de metade porque tinha comido algumas ontem. Hoje comi tudo o que restava no pacote.

 

Em casa a mesma coisa. Como cereais tufados com iogurte ao lanche mas logo em seguida faço montes de torradas com queijo e doce sem açúcar.

 

Outro exemplo é ao almoço. 10 minutos depois de almoçar como tudo o que tinha levado para o lanche e que seria para comer apenas dali a 3 horas.

 

Depois fico com dores de barriga. E molengona. E mal humorada.

 

Enfim... Há-de passar. 

 

Rapidamente, espero.

 

 

 

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.