Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Qui | 26.07.18

Aquele momento #2

poop-2024794_1280.png

 



Em que estás a passear no meio de um jardim, a observar as árvores e a natureza, e a tua filha de 4 anos te informa que tem que fazer cocó - tipo já - e a casa de banho mais próxima fica a uns minutos de distância.

Perguntas-lhe se aguenta e ela diz claramente, e algo aflita, que não.

E decides, em 3 segundos, levar a miúda para trás de um arbusto e deixá-la fazer cocó ali mesmo. E enquanto tentas apoiar a miúda numa situação mais ou menos confortável e tentas não cair com a barriga de 8 meses para cima dela enquanto ela executa o cocó, o teu namorado vai-te dando indicações de como a deves posicionar mais para trás ou mais para o lado para não se sujar.

Ainda tens outra filha de 2 anos algures por ali, precisas de umas toalhitas para limpar o rabo da miúda e recolher o cocó e vale-te uma amiga que está contigo e se prontifica a ajudar. Entretanto vem o namorado com as toalhitas numa mão e a mais pequena na outra e tudo se resolve em menos de nada. 

Minha rica filha que é tão desenrascada e não se importa nada com essas coisas. Faz o cocó onde puder e pronto.

E ricos amigos que também têm filhos pequenos e não se espantam nada com estas coisas.

Ter crianças pequenas tem destas preciosidades que nos alegram a vida e a alma. :D

Viva o bom humor e a descontração que nos torna a vida um festival de coisas boas mesmo (ou principalmente) quando existe cocó envolvido.


1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.