Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Sex | 03.06.16

Atividades com crianças #3 - Pintar com aguarelas

A Lara é, felizmente, uma criança muito mexida. Anda sempre a saltar, a dançar, a gritar ou a rebolar pelo chão. Bom... assim parece que estou a descrever uma macaca.|

 

O facto é que ela anda sempre de um lado para o outro e só pára quieta para comer ou para ver desenhos animados. Tentamos que não veja desenhos animados mais do que 30 minutos por dia (geralmente é quando aproveitamos para tomar banho) e que não seja todos os dias (embora tomemos banho todos os dias).

 

De vez em quando, conseguimos que esteja mais do que 5 minutos a fazer uma só atividade como brincar com jogos de construção em blocos ou a pintar com aguarelas.

 

No fim de semana aproveitamos para sair de casa sempre que está bom tempo e vamos para um parque ou um jardim onde ela possa correr e rebolar pela relva à vontade, apanhar flores, pedrinhas e folhas, andar de triciclo e jogar à bola.Quando chove, temos uma questão bicuda para resolver: como entretê-la durante o dia inteiro sem sair de casa?

 

Geralmente andamos de brincadeira em brincadeira até nos faltar a imaginação ou a energia para inventar mais. Aí ela fica mais birrenta, mais exigente, quer continuar a brincar e nós parecemos dois idosos acabadíssimos.

 

Neste fim de semana experimentámos pintar com aguarelas de uma forma diferente. Colocámos a Lara na cadeira de comer (para não arriscar uma decoração das paredes ao género de pintura rupestre num segundo em que estivéssemos mais distraídos) e encorajámo-la a pintar com aguarelas usando os dedos.A coisa correu bastante bem.

 

Ela pintou com o pincel, pintou com os dedos, fez bolinhas coloridas, misturou as cores, e parecia bastante entusiasmada com a atividade criativa.

 

O pai aproveitou para dar asas à sua própria imaginação e também fez um desenho. Chamemos-lhe um motivo campestre.Quando pintar com aguarelas no papel começou a ficar demasiado monótono para a Lara ela optou por usar outras superfícies, como a testa.

 

Quando se fartou de brincar aos índios, resolveu mergulhar a chucha na água de lavar o pincel e aí demos a brincadeira por terminada. Ainda assim, a Lara nunca tinha estado tanto tempo a pintar com aguarelas, quase uma hora entretida.É, sem dúvida, uma atividade adequada para dias de chuva.

 

Devo sublinhar que é indispensável a atividade ser supervisionada por um adulto, pelo perigo de colocar os dedos sujos de tinta na boca ou mesmo nos olhos.Ainda colocámos a chucha para resolver a questão dos dedos na boca mas é sempre necessário ter cuidado.

 

Depois de tudo, limpei-lhe muito bem a cara com desmaquilhante. Tratei de o fazer o mais rápido possível porque fiquei com receio das aguarelas lhe causarem algum tipo de alergia. Aquela tinta não é adequada para pintar a pele e ela tem a pele da cara muito sensível.

 

De qualquer forma ela não teve qualquer tipo de reação alérgica mas é sempre bom assegurarmo-nos de que as tintas que usamos não são tóxicas e podem ser usadas por crianças pequenas (sempre comsupervisão).

 

pintar com aguarelas

 

pintar com aguarelas 8

 

pintar com aguarelas 5

 

pintar com aguarelas 4

 

pintar com aguarelas 3

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.