Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Qui | 18.02.16

Caril de atum e batata doce

 

caril-de-atum-7

Nas minhas aventuras culinárias é raro eu não alterar uma receita.

Não que eu queira ser criativa ou tenha ideias fantásticas para melhorar as receitas, nada disso. O que acontece é que, normalmente, não tenho os ingredientes todos e rapidamente resolvo substitui-los por outros que tenha em casa. Às vezes resulta, noutras o resultado é uma grande nheca que vai para o lixo e, nas vezes em que resulta maravilhosamente bem, tiro uma fotos e publico aqui no blogue. 

Desta vez quis fazer algo diferente e consegui seguir uma receita ao pé da letra. Fiz tudo direitinho tal como estava indicado na receita.

E não é que resultou?! E muito bem.

Bom… o Milton passa a vida a questionar-se porque é que eu não vou sempre comprar exatamente os ingredientes que preciso e faço as receita como deve de ser. Ora e que piada é que isso teria? Gosto de viver de uma forma aventureira, o que é que querem? 

Desta vez achei que era aventura suficiente tentar fazer um caril de atum e lá segui tudo direitinho. E ficou muito bom!

Eu gostei muito e o Milton adorou! Não me lembro de quando foi a última vez que ele elogiou tanto um almoço que eu tenha feito sozinha (porque se não forem doces, é raro cozinhar sozinha, preciso sempre de uma certa assistência).

Podem encontrar a receita que segui aqui.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.