Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Ter | 27.06.17

Cortei-lhe o cabelo curtinho

O Milton já andava há algum tempo a querer cortar o cabelo da Lara bem curto mas eu ainda não tinha tido coragem.

Aos 3 anos, finalmente tinha o cabelo a chegar às costas, o que para além de dar um ar super feminino e querido, dava para fazer montes de penteados amorosos.

Por outro lado, estava com algum receio da Lara perder a cor dourada do cabelo com o corte, já que as pontinhas eram as mais clarinhas.

Mas tive que concordar que o melhor era cortar-lhe o cabelo. Nunca lhe tínhamos feito um corte como deve de ser e o cabelo estava muito fininho.

Depois, estamos no verão e a miúda farta-se de suar e nem sempre deixa que lhe façamos totós ou tranças.


Assim, aproveitámos um almoço em casa dos avós para pedir à minha sogra que lhe cortasse o cabelo. 

Acabou por não me custar muito. Ela fica muito fofa e mais fresquinha. E não se ralou nada. Se fica mais fresca e se ter o cabelo curto facilita a brincadeira e a correria, pois ela até agradece. :P
Aqui está uma foto do antes e do depois.

IMG_4031.JPG

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.