Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Qua | 10.10.18

Dicas de fotografia no exterior!

fotografia.jpg

 

Tirar fotografias no exterior, seja com telemóvel ou com câmara, pode ser mais difícil do que parece. É por isso que as fotos que tiramos nas férias nunca ficam tão bem como pensamos e que temos surpresas ao chegar a casa. Mas, felizmente, há dicas de fotografia que pode seguir para tirar fotografias melhores no exterior.

 

Escolher bem a objetiva

As objectivas que vêm os câmaras de fotografia costumam ter entre 18-55mm. A parte boa é que isso as torna muito versáteis; a parte má é que precisam de um espaço muito bem iluminado para a foto sair bem exposta. Se estiver a fotografar no exterior durante o dia e no Verão, isto não deve ser um problema. Mas para fotografar em dias de nevoeiro ou à noite, é provável que a foto não fique com nitidez. Se por acaso houver pouca luz, deve aumentar o ISO - mas não demasiado, caso contrário a foto fica com “ruído”.

 

Escolher a hora para fotografar

Durante as férias, nem sempre é possível fotografar à hora em que a luz está melhor. Mas se a intenção for fazer uma pequena sessão fotográfica na sua cidade ou num destino próximo, então o ideal é fotografia de manhã ou ao fim do dia. Estas são as duas alturas do dia em que as sombras ficam mais esbatidas, o que dá mais harmonia à foto e faz com que não tenha que editar a foto a seguir. A menos, claro, que a sua intenção seja uma foto artística que jogue com as fotos!

 

Regra dos terços

Enquanto estiver a fotografar, tente dividir a imagem em 3 linhas horizontais e 3 linhas verticais (como um jogo do galo).  Depois, em vez de colocar o objeto da foto ao centro, tente centrar nos pontos em que as linhas se encontram. Esta é uma regra que muitos fotógrafos utilizam para dar mais harmonia  e enquadramento às fotos. Ao mesmo tempo, é mais original do que a foto “óbvia” em que está tudo focado ao centro.

 

Se não se sente capaz de se lançar ao mundo da fotografia, há sempre a hipótese de procurar alguém que organize sessões de fotografia em Lisboa.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.