Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Qua | 08.02.17

Estou tão, mas tão cansada

maecansada.jpg

 

 

Um destes dias bloqueei duas vezes durante uma conversa.

Simplesmente parei a meio da frase porque já não sabia o que ia dizer, tampouco de que assunto estava a falar. É assustador.

 

Estou cansada física e psicologicamente e, muitas vezes, sinto uma fome emocional terrível e acabo a atacar os doces ferozmente.

 

Não me sinto triste, nem especialmente aborrecida, sinto-me cansada mesmo. Esgotada. Desorientada.

 

Bebo dois cafés por dia e faço um esforço tremendo por me manter nos minimos da racionalidade mas tem sido complicado.

 

Tenho tantas coisas que preciso de fazer, outras tantas que gostaria de fazer e, muitas vezes, chego a esquecer-me de comer e salto refeições. Eu, a maior comilona que conheço.

 

Um destes dias uma médica disse que eu andava muito stressada e que tinha que descontraír, sair de casa, passear, correr na avenida, fazer yoga numa academia, dormir mais. 

 

ahahahahahahahahahahah

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.