Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Ter | 07.03.17

Eu, as bonecas e as minhas teorias de educação malucas

barbie normal.jpg

 



A Lara está quase a fazer anos e já decidi que vou oferecer-lhe uma Barbie. 

Não será uma Barbie das mais caras ou xpto mas tem que ser uma Barbie especial.

E porque é que lhe quero oferecer uma Barbie?

 

Porque gostava de Barbies quando era criança. Tive uma Barbie aos 10 anos de idade, escolhida por mim, era a Barbie Hollywood, tinha o cabelo mais comprido que encontrei e dava para fazer estrelinhas cor de rosa no cabelo, com um spray especial e um pente com moldes em forma de estrela. 

 

Por outro lado, aquele conceito de boneca alta e magra, loura e de olhos azuis não me agrada em todas as bonecas da Lara. Ok, pode ter algumas bonecas assim (existem algumas pessoas assim) mas também quero que tenha outras bonecas. 

 

De modo que estou a pensar comprar-lhe uma Barbie da coleção "Fashionista" que tem Barbies parecidas com pessoas: de todas as cores, umas gordinhas, outras magrinhas e, se for a ver bem, ainda encontro alguma com piercings e tatuagens (se encontrar compro).

 

Pensei em comprar uma de cabelo castanho e mais cheinha mas depois encontrei a Barbie Andy Warhol e fiquei indecisa outra vez. :D



2 comentários

  • Imagem de perfil

    Purpurina 08.03.2017

    Olá, :) Concordo contigo e também não acho que influencie assim tanto as meninas (para emagrecer) mas não gosto que sejam todas iguais e há uma tendência enorme para as bonecas serem louras, brancas e de olhos azuis. :P beijinhos
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.