Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Qui | 06.06.19

Lara #21

IMG_6513.jpg

A Lara tem 5 anos e é a mais velha dos meus três filhos.

É também a mais bem humorada, a mais criativa e a mais sensível.

Em casa é a que nos dá mais mimos e não é raro oferecer-se para me fazer uma massagem se estou cansada (dura 10 segundos, mas vale a intenção), aconchegar-me com uma mantinha se adormeço no sofá, ou trazer-me uma almofada para colocar atrás das costas se me queixo de estar com dores nas costas.

A Lara está atenta aos outros e é muito carinhosa. Adora tomar conta do irmão mais pequeno e mima-o imenso. 

Com a Maria tem muitos desentendimentos nesta fase, mas não lhe custa nada dar-lhe abraços e beijinhos, mesmo depois de uma briga.

A Lara é muito tímida e nunca diz olá ou bom dia ou "até logo" mas, quando gosta de alguém, cola-se à pessoa e enche-a de abraços.

Na escola, observando-a sem ela ver, vejo-a sempre a correr e a brincar, ou metida numa roda com vários amiguinhos e enche-me o coração ver que ela quer sempre ir à escola. Ela chega a amuar quando tem que faltar à escola por algum motivo.

Em casa está sempre a inventar coisas para nos rirmos, faz piadas de situação com facilidade e farta-se de inventar e criar coisas novas e "malucas". Para ela quanto mais "malucas" melhor. Na foto mostra um "gelado monstro" que ela fez com plasticina.

Gosta de trepar a coisas, de correr e de jogar à bola desde pequena. Mantém-se igual.

Gosta muito de livros e já conta histórias aos irmãos há muito tempo.

Discute muito com a Maria, principalmente por ciúmes mas, quando quer, consegue ser extremamente razoável e madura, acalmando a irmã e negociando com ela, com uma sensibilidade e maturidade admiráveis.

Na escola é muito perfecionista e fica muito frustrada quando as coisas não ficam exatamente como ela quer. Tenho que trabalhar isso com ela. Também demora imenso a fazer coisas como comer ou fazer uma atividade de desenho e pintura.
Em relação a isto tenho sentimentos contraditórios porque, nesta idade, não sei a até que ponto devo pressionar a Lara para fazer as coisas mais depressa e "fora do seu tempo natural".

Consegue escrever o nome e várias palavras simples e também consegue ler algumas palavras simples como pai, mãe, bebé mas, de momento, não lhe ensino por falta de tempo e porque acho que ela deve aprender estas coisas na escola. O facto é que ela se interessa muito por letras e está sempre a perguntar-me sobre palavras e formas de escrever as coisas.

Continua muito pouco exigente do ponto de vista material e ainda estou à espera de uma birra que faça numa loja para eu lhe comprar alguma coisa.

A educadora disse-me que a Lara é muito atenta a meninos que estejam mais isolados ou brinquem sozinhos e vai brincar com eles, ajudando-os a integrarem-se. Disse-me que ensinou um menino com algumas dificuldades de adaptação a dar abraços e que é muito amiga dele. Gostava muito de ter louros nisto e de dizer que a educo assim mas creio que é mesmo dela.

Fala com "algumas favas" na boca por isso anda na terapia da fala, vamos lá ver. Não me chateia muito a forma de falar da Lara mas, pelo sim pelo não, faz a terapia.

E é isso, ainda ontem nasceu e já está uma menina grande que me faz muita companhia e me ajuda em muitas coisas.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.