Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Seg | 03.05.21

Lara #44

Lara 7.jpg


A Lara recebeu um diário muito fofinho no seu aniversário. Para mim, é um presente muito especial. Tive dezenas de diários e adorava escrever neles. Só deixei de o fazer com mais de 20 anos, quando passei a ter blogues.

À noite, depois de meter os miúdos na cama, estava a conversar com a Lara e a explicar-lhe porque é que um diário era tão especial, para que servia e que tipo de coisas ela poderia escrever nele: as coisas que tinham acontecido, as coisas que a deixavam mais feliz, coisas que a deixassem triste ou zangada, ideias, planos para fazer no futuro, coisas que gostaria de ter, coisas que gostaria de fazer.

Diz-me a Lara:

"Acho aborrecido escrever sobre coisas que aconteceram. Prefiro escrever as minhas ideias. Guardo o diário e quando for cientista, faço-as. Se não for cientista e for outra coisa qualquer, posso fazê-las também."

"Excelente ideia, Lara" respondo, a pensar que a miúda tem um pensamento engraçado.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.