Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Qui | 29.08.19

Os meus bebés pequenos

Carla Maria e Eduardo .jpg

 

A Maria e o Eduardo são muito cómicos um com o outro.

Ele procura muito as duas irmãs mas parece achar especial graça à Maria. Gosta de lhe tirar coisas da mão e de se mandar para cima dela. Às vezes ela acha graça, outras nem por isso.

Quando o Eduardo a “chateia” muito ela dá-lhe um safanão com a mão e ele dá-lhe outro de volta.

Ainda assim diria que se dão bem. Ela gosta de lhe dar bolachas (das comestíveis, entenda-se) e, quando está bem-disposta, dá-lhe brinquedos e até brinca com ele.

Às vezes acontece alguém nosso conhecido ter o Eduardo ao colo e insinuar que o leva para casa. Quando isso acontece, a Maria fica numa grande aflição. Começa a choramingar e a andar nervosamente de um lado para o outro, como que a pensar numa forma de não deixar que isso aconteça.

No início, quando a víamos a choramingar, no meio de conversas, nem nos apercebíamos dos motivos. Depois detetámos o padrão de comportamento e víamos que sempre que alguém se aproxima demasiado do Eduardo ela fica nervosa.

Tão fofinha! Às vezes pensamos que ela, sendo filha do meio, talvez gostasse de ter mais momentos de atenção personalizada e de filha única (e gosta, de certeza), mas a verdade é que os irmãos também lhe fazem muita falta. 😊

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.