Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Ter | 02.08.16

Os primeiros passeios da Maria

Aconteceram quando ela tinha 5 dias.

 

Ora, ainda nem tinha uma semana e já estávamos a passear pela rua, de carrinho, como se nada fosse.Nesse dia fomos até ao Cais da Sardinha, à beira do porto de Ponta Delgada e passámos lá umas boas 2 ou 3 horas pela manhã. A Maria esteve o tempo todo a dormir no ovo (ela adora estar no ovo e é onde faz as sestas maiores quando saímos de casa) e quando tinha fome mamava muito facilmente em qualquer lado.

 

Posso dizer que esteve muito melhor do que costuma estar em casa, onde não faz sestas tão grandes.Com a Lara, a minha filha de 28 meses, foi tudo diferente. Creio que na primeira vez que saímos com ela (sem ser para o centro de saúde ou pediatra) ela já tinha um mês e meio. Fomos dar uma volta pela marginal de Ponta Delgada e ela foi de canguru.

 

Lembro-me de estar um pouco apreensiva com a saída por ela ser tão pequena. De resto, estava sempre em casa. Eu saía para caminhar uma hora por dia mas a Lara não.Julgo que esta é uma das principais diferenças entre o primeiro e o segundo filho.

 

Não só somos mais experientes e confiantes como não temos tantas "frescuras" com as crianças. Claro que não saí com a Maria tão cedo só porque me apeteceu e sem ter em conta a saúde e segurança dela.

 

Procurei saber se podia fazê-lo ou não e cheguei à conclusão que seria bom para ela e para nós sair de casa.Até à primeira consulta com a pediatra, aos 19 dias da Maria, só saímos com ela para jardins e esplanadas e a horas de temperatura agradável, nada de sítios fechados ou cheios de gente.No dia em que fomos à pediatra ela assegurou-nos que também podíamos ir ao centro comercial, desde que o ovinho estivesse devidamente coberto com uma fraldinha.

 

Fomos às compras com ela nesse mesmo dia mas, talvez pelos barulhos constantes do sítio, a Maria não apreciou a experiência e começou numa choradeira. De modo que vamos continuar a optar pelas zonas ao ar livre para passear com ela.Já fomos ao Jardim António Borges, ao Cais da Sardinha e ao Bar da Praia do Pópulo. Ainda não nos aventurámos para sítios fora da cidade de Ponta Delgada. Talvez mais para o meio de agosto, se não estiver muito calor.

 

Jardim António Borges No Jardim António Borges, muito fresquinho e agradável no verão.

 

bar da praia 77 No bar da praia do Pópulo, num dia de sol magnífico.

 

bar da praia 4 A Maria, sempre na boa. Estava a "ver se arrotava" depois de mamar.

 

Bar da praia 7

O Milton, na verdade, estava a trabalhar. Eu levei um livro e passámos uma manhã fantástica.

 

Bar da Praia

 

Bar da praia 2

Deu para fingir, completamente, que estávamos de férias.

Cais da Sardinha 7

O Cais da Sardinha é um dos nossos sítios preferidos neste verão.

 

Cais da Sardinha

Outra vez a fingir que estamos de férias. Neste dia o Milton não estava a trabalhar.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.