Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Qua | 05.09.18

Os nossos filhos devem ser felizes o tempo todo?

Purpurina
 Acredito que não.Todos os pais gostariam que sim, que os seus filhos fossem felizes o tempo todo mas isso não é possível nem sequer desejável.Acredito que as crianças devem aprender a lidar com a frustração desde cedo para poderem construir uma forma de felicidade futura mais real e mais duradoura.Se os pais fizerem de tudo para manter as crianças sempre felizes, sem chorar, sem berrar, sem ter frustrações, elas vão crescer sem saber lidar com contrariedades e, quando elas (...)
Sex | 17.08.18

Coisas que me fazem feliz #4

Purpurina
 Ir até um jardim e sentar-me num banco a ler um livro.Adoro!Consigo abstrair-me de tudo à minha volta e só faço pausas para ouvir os passarinhos e espreitar um bocadinho o ambiente.É das minhas coisas preferidas no verão.Se estiver em casa com o Milton, sou bem capaz de lhe pedir para ficar com as crianças uma horinha para eu poder ter este momento para mim. É uma espécie de massagem mental. :D
Qua | 04.07.18

Momentos mesmo muito relaxantes...

Purpurina
 Em que estou no sofá com as miúdas, a Maria com as perninhas em cima das minhas, toda recostada e descontraída, a ver um filme para crianças.É mesmo muito bom!O único senão é que tem a duração máxima de 2 ou 3 minutos.A não ser que existam pipocas envolvidas na situação. :D 
Qua | 27.06.18

A fingir que estamos de férias #1

Purpurina
Às vezes o trabalho do Milton não implica que ele vá mesmo para o escritório. Nesses dias ele pode ir trabalhar para onde quiser.E eu aproveito para apanhar boleia com ele, levar um livro ou o iPad para escrever, e passar umas horas num sítio diferente, a fingir que estou de férias. :DAqui estamos no resort Pedras do Mar, com uma vista maravilhosa! 
Qui | 24.05.18

Vamos refletir um pouco sobre o que é a nossa vida nos dias de hoje?

Purpurina
 Já todos sabemos que vivemos numa sociedade de consumo de massas onde possuir coisas de desgaste rápido assume uma importância considerável.Também sabemos que podemos possuir muitas coisas porque essas coisas se têm tornado mais baratas e acessíveis aos nossos bolsos. E consumimos porque isso nos dá prazer e satisfação, ainda que pouco duradoura, e porque nos parece dar uma espécie de "status" que nos equipara aos nossos semelhantes e nos dá algum estatuto social. Ou não.Eu (...)
Qua | 23.05.18

Os pais de hoje

Purpurina
 Serão os pais de hoje muito diferentes dos pais de há 20 ou 30 anos atrás?Se calhar a maior parte sim, mas talvez nem seja assim tanto.O facto é que não sei dizer como eram a maioria dos pais de antigamente, tampouco como são todos os pais de hoje. Mas posso dizer como é o pai que temos cá em casa.Nas coisas que faz é bem parecido com a mãe, na personalidade e forma de agir, é bem diferente. E ainda bem.Ora vejamos:- O pai cá de casa cozinha, passa a ferro, limpa a casa, lava (...)
Dom | 29.04.18

A nossa prática de hygge semanal

Purpurina
 Ou uma das nossas práticas. Isto da felicidade é muito mais simples do que parece e, muitas vezes, resume-se a pequenas coisas acessíveis que nos dão uma enorme sensação de conforto e satisfação.Cá por casa gostamos de fazer, de vez em quando, pizza caseira para o jantar. Às vezes até comemos na sala, a ver uma série, depois das miúdas estarem a dormir. Faço a massa na bimby (como gostamos da massa bem fininha a receita dá para duas doses e congelo uma) e recheamos com (...)
Qua | 25.04.18

Coisas maravilhosas nisto de sermos humanos #1

Purpurina
  No dia em que se comemora a liberdade no nosso país gostaria de expressar o desejo de que todas as pessoas tenham a liberdade e a vontade de olhar todos os dias para as coisas boas que existem no mundo.Que possamos todos olhar mais para as coisas boas, para as pessoas realmente bonitas e que possamos fazer também algo de bom e bonito todos os dias.  Não é preciso fazer nada grandioso ou extremamente altruísta para ter um imenso significado. Não precisamos salvar o mundo, (...)
Qua | 18.04.18

5 coisas que não me impedem de ser feliz

Purpurina
 Isto da felicidade tem muito que se lhe diga.  Para mim, mais do que uma tendência natural, tem sido uma aprendizagem e um treino mental para alterar pensamentos e comportamentos que são um entrave à felicidade e à saúde física e psicológica. Ainda tenho trabalho pela frente mas existem algumas coisas que descartei completamente da minha vida tornando-a, consequentemente, muito mais simples, leve e feliz.  Eis algumas delas: O que os outros pensam de mim O meu grau de (...)
Seg | 16.04.18

Como eu vejo as minhas filhas

Purpurina
 Dizem que a Lara é parecida comigo e que a Maria é parecida com o pai. Às vezes parece-me que é assim, outras vezes nem por isso.Vejo muitas coisas minhas na Lara, coisas de que gosto em mim e coisas de que não gosto em mim (sempre em mim). Nela tudo me parece perfeito, mesmo aquilo que, em mim, me faz muita confusão. Nela tudo é bonito, gracioso, especial. Na Maria também.Olho para elas e só vejo perfeição. Tenho a certeza que todas as mães são assim. A Maria manda-se para (...)
Dom | 08.04.18

Viver mais devagar: um dos meus objetivos para este ano

Purpurina
 Sempre me lembro de ser elétrica: física e mentalmente. Ando (ou andava) sempre em passo apressado, tento estar sempre a fazer o máximo de coisas que consiga para ter tempo livre, tempo esse que utilizo para fazer ainda mais coisas...Sempre levei à letra a máxima "Não deixes para amanhã o que podes fazer hoje".Estou a mudar, aos poucos.O meu objetivo, agora, é mais não deixes para amanhã o que podes desfrutar, descansar e relaxar hoje. Faço mesmo um esforço consciente para (...)
Ter | 27.03.18

Coisas maravilhosas de filhos #1

Purpurina
Entre todas as coisas maravilhosas que eu pudesse imaginar existirem na maternidade, nunca tinha pensado nestas. Estas que são tão simples e tão fantásticas ao mesmo tempo! Estas que não só nos fazem surpreender com as atitudes dos nossos filhos mas também com as nossas e com a nossa capacidade de nos tornarmos seres que não poderíamos reconhecer há uns anos atrás.A maior parte das vezes são coisas tolas, muito tolas mesmo, e as mais felizes de todas as que já vivemos.Segue a (...)
Sex | 16.03.18

O que é que cada um de nós pode fazer para que o mundo seja um lugar melhor?

Purpurina
 Com as (poucas) notícias que vou vendo do mundo nas Redes Sociais e blogues surge sempre a pergunta: O que é que podemos fazer para mudar o estado do mundo? O que é que podemos fazer para que o mundo se torne um lugar melhor?Pouco sei sobre lutas e revoltas. Felizmente nunca tive que passar por isso. Respeito muito quem teve esse trabalho por mim. Respeito muito quem lutou para que eu não vivesse numa ditadura, para que eu tenha a possibilidade de votar e a liberdade para o fazer, se (...)
Qui | 01.03.18

10 coisas que são mesmo Hygge para mim

Purpurina
Desde que me lembro de pensar que me interesso pela felicidade (não nos interessamos todos?) e que faço um esforço consciente por estar feliz.Claro que a ideia que tenho hoje de felicidade é bem diferente da ideia que tinha há 10 anos, e há 20. E, arrisco a dizer, que hoje tenho uma ideia de felicidade mais realista e mais serena.Se antes felicidade - para mim - era sinónimo de grandes festas e muitas novidades, agora é muito mais simples e aconchegante do que isso. Geralmente (...)
Seg | 26.02.18

O nosso fim de semana em imagens #5

Purpurina
O costume. Como a Maria está constipadita não saímos de casa com ela mas eu e a Lara aproveitámos o sol de domingo e fomos jogar à bola e andar de triciclo. Também passeámos num jardim onde apanhámos folhas de várias cores para fazer umas obras de arte em casa. :DFizemos algumas experiências culinárias entre as quais uns wraps de perú no forno (na foto) que ficaram bem decentes. O melhor de tudo é que não demoram 5 minutos a preparar e depois é só colocar no forno até (...)
Sab | 24.02.18

As minhas histórias preferidas #2

Purpurina
O presente “Buda estava transmitindo os seus ensinamentos para um grupo de discípulos quando um homem se aproximou e o insultou com a intenção de agredi-lo.  Frente ao olhar dos presentes, Buda reagiu com absoluta tranquilidade, ficando quieto e em silêncio.  Quando o homem foi embora, um dos discípulos – indignado com tal comportamento – perguntou a Buda por que havia deixado que aquele estranho o maltratasse dessa forma. Buda respondeu com serenidade:“Se eu dou-te de (...)
Qua | 21.02.18

Destralhar, felicidade e coisas que se compram com dinheiro

Purpurina
 Acho que ando com uma certa obsessão pelo tema "felicidade". O facto é que estou convencida que tenho algumas a dizer sobre isso.Por um lado sinto-me feliz a maior parte do tempo (apesar de ser uma pessoa nervosa, ansiosa e com tendências obsessivas) e, por outro, sinto-me cada vez mais feliz.Não posso dizer que tenha nascido com uma propensão natural para a felicidade e em condições ótimas (muito longe disso). Ainda posso dizer menos que a minha vida tenha sido isenta de (...)
Qua | 21.02.18

Atividades em família: brunch em casa ao domingo

Purpurina
Cá por casa andamos (ou ando eu) numa fase de criar tradições e rotinas.Gosto muito de fazer planos e saber mais ou menos com o que é que conto. Também acho que isso é importante para as crianças.O último hábito que criámos foi o brunch em casa.O facto é que precisamos de nos entreter e entreter as miúdas ao fim de semana, gostamos todos muito de comer e preferimos passar o nosso tempo com alegria, paz e serenidade. Um brunch em casa pareceu-nos uma ótima forma de juntarmos (...)
Ter | 20.02.18

Coisas que me fazem feliz #3

Purpurina
Hoje trago mais três coisas que me fazem mesmo muito feliz. Coisas simples, baratas e muito acessíveis que conseguem transportar o meu humor para níveis elevadíssimos.1- Tomar um café, com uma torradinha e uma malassada, na esplanada da biblioteca. Adoro! Principalmente porque a seguir vou fazer outra coisa que adoro: rodear-me de livros. 2- Ir à biblioteca e ficar horas a folhear e escolher livros para mim e para as minhas filhas. É uma das coisas que mais gosto de fazer na vida (...)