Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Sab | 10.04.21

Eduardo #20

O diplomático

Purpurina
Tentamos ensinar os miúdos a negociar em vez de gritarem uns com os outros. Claro que nem sempre conseguimos evitar que se esbofeteiem como se não houvesse amanhã, mas vamos caminhando sempre no sentido da pedagogia. Ensinamos as miúdas a oferecerem ao Eduardo um brinquedo que possa interessar-lhe, sempre que quiserem algo com que ele esteja a brincar. Claro que também  as ensinamos a conversar, a pedir educadamente, etc , mas convenhamos que oferecer algo para troca encurta em (...)
Qua | 31.03.21

Eduardo #19

Purpurina
A situação é a seguinte: Estou sentada no sofá com o Eduardo, a chamar-lhe a atenção por ter estado a pular no sofá. E o que é que ele faz, esta formiga com 2 anos e meio? Encosta a cabeça para trás, fecha os olhos e começa a ressonar, fingindo que está a dormir.
Sab | 27.03.21

Eduardo #18

Técnica para adormecer um menino de 2 anos, nada interessado na sesta

Purpurina
Eduardo, 2 anos e 7 meses. O Eduardo nunca quer dormir a sesta. Temos que o adormecer ao colo.  Se o Milton o consegue adormecer sentado, eu só consigo com ele  ao colo, em pé, a andar de um lado para o outro. É como fazer pesos no ginásio durante uns 15 minutos, com sorte. Estava eu com o Eduardo ao colo, ele a espernear por todo o lado, a dizer que não queria dormir e a dificultar-me muito a tarefa. Começo rapidamente a pensar numa técnica para domar aquele ursinho, que (...)
Seg | 22.03.21

Eduardo #17 ou "Apetite Madrugador"

Purpurina
O meu filho Eduardo tem 2 anos e meio e é um grande comilão. Para nossa alegria, claro. Se ele pudesse passava o dia a comer: pão, bolachas, bananas e papas de aveia.  Acorda todos os dias entre as 6 e as 6h30 da manhã e a primeira coisa que diz é: "Quero comer papa de aveia." É isto todos os dias, sem exceção. Sempre a mesma frase e o mesmo pedido para o pequeno-almoço. Numa destas noites, acordou às 5h00 da manhã a pedir para comer papas de aveia. O pai, que o foi (...)
Qua | 14.10.20

Maria #45

Os idosos

Purpurina
Recentemente, a professora da Maria falou sobre os idosos na sala de aula.  Vestiu-se de velhinha e deve ter interpretado o seu papel com tanto talento que a Maria ficou bastante impressionada. Desde então faz-me muitas perguntas sobre os idosos. Quem são os idosos, quais as suas características, se eu conheço idosos, e por aí fora. No outro dia, estávamos a vir da escola a pé, quando uma senhora de bengala e cabelo branco (por acaso, idosa) saiu de um autocarro e ficou a (...)
Qui | 03.09.20

Milton, o encantador de crianças

Purpurina
Estávamos todos na praia, menos a Lara que estava em casa da avó (por ter umas feridas na pele que não deviam entrar em contacto com a areia).  A Maria e o Eduardo estavam entusiasmadíssimos na água e como o mar estava muito calmo, era fácil um de nós ficar com as duas crianças na água enquanto o outro ficava mais ou menos livre. Numa das alturas em que estava com os miúdos na água reparei que o Milton estava com alguns miúdos a olhar fixamente para as rochas à beira da água. Quando me aproximei percebi que as crianças (uma menina de uns 4 ou 5 anos e um rapaz grande de uns 9 ou 10) estavam a tentar apanhar um caranguejo pequeno e pediram ajuda ao Milton, que lhes emprestou os nossos baldes de plástico.
Dom | 16.08.20

Lara #37

A criativa

Purpurina
Na preparação de uma festa para comemorar uma visita da avó, a Lara pendurou alguns balões pela casa. Um deles no candeeiro de pé da sala. Hoje resolveu personalizar o balão. Quando o pai lhe perguntou o que era aquela "obra criativa" ela respondeu que era o polícia da sala, que estava ali a vigiar.
Seg | 03.08.20

Maria #42

Purpurina
Pela manhã, antes de sairmos de casa para levar os miúdos à escola, deixamo-los a brincar sozinhos. Abolimos a televisão ou o iPad em dias da semana e eles brincam muito mais juntos. Claro que há sempre um conflito ou outro, principalmente entre a Maria (de 4 anos) e o Eduardo. Com quase dois anos, ele está naquela fase ingrata em que se diverte imenso a roubar os brinquedos às irmãs e a fugir a correr com eles na mão. Tenho dito à Maria para não gritar com o irmão e, em (...)
Dom | 07.06.20

Lara #35

Purpurina
A Lara plantou uma tangerineira num vaso, na varanda comum do prédio onde vivemos. Ela fala com a planta e vai regá-la todos os dias. Tem muita estima e cuidado com as suas plantinhas e trata-as com muito amor. A Lara acredita (por o pai lhe ter sugerido dessa forma) que as plantas lhe respondem abanando as suas folhagens. Hoje, depois de contar às meninas uma história antes de dormir, que calhou ser sobre uma árvore, a Lara confidenciou-me o seguinte: "Sabes mãe, eu dei um nome (...)