Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Sab | 20.07.19

Coisas de mãe #2

Purpurina
A Maria tem como objeto de apego uma almofada pequena que a avó mandou fazer.  Ela anda sempre com ela e com a sua chucha cor de rosa. A almofada está sujíssima de tanto uso e, por mais que a lave (o que tem que acontecer muito disfarçadamente e em dias de verão, para que seque num dia) nunca fica muito tempo sem aquela cor encardida. Quem tem crianças com objetos de apego sabe do que estou a falar. :) O problema é que, eventualmente, a almofada começou a rasgar-se aqui e (...)
Qua | 17.07.19

Conversas da Maria

Purpurina
#1 Entro na cozinha e encontro a Maria, sentada à mesa com uma bolacha na mão, em frente a um pacote de bolachas cheio. Diz-me ela: "Mãe, vai-te embora. Quero ficar sozinha." #2 A determinada altura estava a explicar à Maria a concordância do adjetivo numa frase, indicando que o pai é bonito, a mãe é bonita, a Lara é bonita, o Eduardo é bonito, etc. Mais tarde diz-me ela: "O pai é muito forte." Respondo eu: "Pois é. Mas a mãe também é forte." Ao que ela (...)
Seg | 15.07.19

Onde tenho andado? Perguntam vocês.

Purpurina
Por acaso ninguém perguntou, acho.  Mas, ainda assim e tendo em consideração que fiquei algum tempo sem escrever no blogue, eu digo. Estou por aqui, na vidinha do costume, mas sem saber bem para onde me virar com tudo o que há para fazer e que, nos últimos tempos, tem sido mais do que cuidar de 3 crianças pequenas, trabalhar fora e tratar da casa, da roupa, da comida e de todos os outros afazeres ao mesmo tempo. Aos poucos a coisa vai-se compondo e eu vou tentando descontrair. A (...)
Dom | 23.06.19

Maria #25

Purpurina
Estava a caminhar com a Maria ao colo. Ia à farmácia, eram quase horas de fechar e estava com um passo apressado. A Maria pergunta-me: "Posso dormir no colinho da mamã?" "Podes filha." Ela encosta a cabeça ao meu pescoço mas a minha trança, de lado, incomoda-a. A Maria começa a mexer na minha trança e diz-me: "A mãe está linda com estes totós." Eu: "Ohhhhhhh..." Nisto a Maria dá-me um beijo na bochecha e um abraço. Coisa mais querida da sua mãe. <3
Qua | 19.06.19

Maria #24

Purpurina
A Maria, com 2 anos e 10 meses, surpreende-nos todos os dias com as suas atitudes, determinação e desenvoltura. É a mais desafiante dos meus filhos e obriga-me, todos os dias, a controlar os meus nervos e a minha paciência para conseguir dar a volta às birras e aos gritos dela. Em termos de birras, tudo o que funcionava com a Lara, com a Maria é mais complexo. A Maria luta muito por aquilo que quer e não se deixa convencer facilmente. Todavia, cede a uma boa argumentação e a (...)
Seg | 17.06.19

Irmãos #1

Purpurina
Sempre quis ter irmãos. Desde pequena e até ser adulta. Adoraria ter um irmão ou uma irmã. Hoje, de certa forma, sinto-me a viver a "experiência de ter irmãos" através dos meus filhos. Não será a mesma coisa, claro, mas é muito bom acompanhar a dinâmica de 3 irmãos com idades semelhantes, a crescerem juntos. Estou a aprender exatamente o que é ter irmãos, no seu melhor e também naquilo que é mais desafiante. Irmãos brigam. Muito. Pelas coisas mais "parvas". Por tudo e (...)
Qua | 12.06.19

Lara #23

Purpurina
O Milton contou-me isto: Estava ele a conversar com a Lara, a determinada altura do dia em que estavam só os dois, quando a Lara começa a contar um episódio na escola. Parece que ela se esqueceu do casaco de ginástica num canto e, como os casacos dos colegas são todos iguais, a professora disse-lhe que ela tem que dizer à mãe para o identificar com o nome. Faz sentido. A brincar a professora disse à Lara que qualquer dia vendia a mãe dela. A Lara, depois de dizer isto ao pai, (...)
Qui | 06.06.19

Lara #21

Purpurina
A Lara tem 5 anos e é a mais velha dos meus três filhos. É também a mais bem humorada, a mais criativa e a mais sensível. Em casa é a que nos dá mais mimos e não é raro oferecer-se para me fazer uma massagem se estou cansada (dura 10 segundos, mas vale a intenção), aconchegar-me com uma mantinha se adormeço no sofá, ou trazer-me uma almofada para colocar atrás das costas se me queixo de estar com dores nas costas. A Lara está atenta aos outros e é muito carinhosa. Adora (...)
Qui | 30.05.19

Ver sempre o lado positivo das coisas

Purpurina
Cozi arroz branco para acompanhar almôndegas de vegetais mas, para não variar, aquilo ficou demasiado cozido e com a consistência de argamassa. Chorei, desesperei, insultei o meu reduzido talento para a culinária? Nada disso.  Se é argamassa que temos, então vamos moldá-la, juntar umas sultanas e animar o prato das crianças. Ps: Até fiquei comovida a observar a Lara a comer o arroz com muito cuidado para ir deixando a estrela o mais direita possível, à medida que ia (...)
Qua | 29.05.19

Lara #24

Purpurina
No domingo de manhã, enquanto o Milton vai com a Maria à piscina, tento arrumar a casa, mesmo estando com a Lara e o Eduardo. Peço à Lara para entreter o Eduardo enquanto arrumo a roupa lavada e faço a cama. Deixo, então, o Eduardo no chão da sala ao pé dela. Do quarto começo a ouvir um chiar bastante alto e pergunto à Lara o que se passa. Diz ela: "O Eduardo está a arrastar as peças de Lego no chão." Digo eu: "Ai, ai, ai Eduardo". Diz a Lara: "Ai, ai, ai para ti mãe. (...)
Seg | 27.05.19

Coisas de irmãs #7

Purpurina
Domingo de manhã e o rapaz acordou pela 8h00. Deu-nos uma noite inteira de sono, interrompido apenas uma vez pela Lara que quis fazer chichi a meio da noite. Quando me levanto oiço as miúdas no quarto e vou espreitar devagarinho. Encontro a Lara sentada no berço com a Maria, a contar-lhe histórias de uma coleção de livros pequeninos que elas têm. Como não me viram, saio sem fazer barulho e deixo-as assim mais algum tempo. Mais tarde, já depois do pequeno almoço, a Maria (...)
Seg | 20.05.19

Eduardo, os 8 meses

Purpurina
Nasceu-lhe o primeiro dente aos 8 meses (aos 5 meses foi um falso alarme). Começa agora a sentar-se sozinho e corre a casa toda a gatinhar.  Só está bem no chão, a explorar tudo o que vê à frente. O sítio preferido dele é a estante da sala com os livros de crianças e de adultos, que está no chão, ao nível dele. Entretém-se imenso a tirar os livros todos para fora e a abri-los. Como não os tem estragado, eu deixo. Começa a reclamar mais com a sopa e, por vezes, lá ponho (...)
Qua | 15.05.19

Maria #24

Purpurina
A Maria, a brincar no quarto com as bonecas, começa a rabujar com elas. Da sala, ouvimos o seguinte: "Ai, ai ai... Caramba pá! Que mania!" Que risota! Ela diz isto com tanta graça. Está claramente a interpretar uma personagem. Achamos que é a da Educadora dela porque cá em casa não usamos estas expressões. Até usamos outras piores e menos adequadas, mas não estas. :D
Ter | 07.05.19

Maria #21 A roubar bolachas à irmã mesmo debaixo do seu nariz

Purpurina
Fomos fazer um piquenique ao parque da cidade e passar lá a tarde. Para comer levei fruta, iogurtes e umas bolachas torradas, pequeninas.  Dei uma caixinha com bolachas a cada uma das miúdas, cada uma com o mesmo número de bolachas. A Maria ficou sossegada a comer as bolachas e a Lara, como de costume, ia-se distraindo com várias coisas e estava sempre a sair do lugar para ir brincar. Sempre que a Maria a via a afastar-se, fazia um ar muito sério, compenetrado e algo suspeito (...)
Dom | 05.05.19

As conversas da Maria #2

Purpurina
A Maria pede para ver desenhos animados, depois de ter estado a brincar com livros no quarto. "Está bem, mas primeiro tens que arrumar os livros." digo eu. "Não posso mãe. Estou cansada de arrumar." responde ela, com um ar muito importunado (e um pouco indignado).
Qua | 01.05.19

Adorei vê-las a fazer isto! E ficou tão giro!

Purpurina
Vi esta atividade no canal de Youtube da Flávia Calina e resolvi a experimentar com as miúdas mas nunca pensei que corresse tão bem. Elas fizeram, praticamente sozinhas, uma árvore de cerejeira cada uma, com galhos secos e papel de seda. E é mesmo simples. Tudo o que precisamos é de galhos secos, papel de seda rosa claro e rosa mais escuro (e branco se quiserem), tesoura para cortar o papel (...)
Ter | 30.04.19

Coisas que se veem cá por casa

Purpurina
Primeiro oiço a Lara aos gritos a dizer que a Maria quer colar um macaco na camisola dela. Olho pela porta aberta da cozinha e vejo a Lara a correr de um lado para o outro do corredor para o quarto. Dois metros depois, vejo a Maria a correr atrás da Lara de dedo em riste.  Isto é magnífico. Bom... às vezes também estão sossegaditas a ler, como na foto. 
Dom | 28.04.19

As minhas filhas estão a dormir na mesma cama

Purpurina
Têm dormido as duas. E muito bem. Foi o Milton que conseguiu a proeza e assim têm dormido muito bem. O inicio da noite é sempre mais atribulado com muitos “Mãeeeeeee” e “Paiiiiiiii” até se dignarem a adormecer. Mas, uma vez sossegada, dormem a noite toda perfeitamente. Com isto resolve-se a questão das camas para as miúdas. Confesso que ainda não tínhamos chegado a conclusão nenhuma. Para já, ficam muito bem as duas na cama da Lara, que é uma cama de pessoa e meia, (...)
Qui | 25.04.19

Eduardo, os 7 meses

Purpurina
O miúdo continua um pachorrento e um fofinho. Para ele está sempre tudo bem, desde que tenha a barriguinha cheia e esteja ao colinho. Está praticamente sempre ao colo. Às vezes, basta inclinar-me um pouco para o colocar na alcofa e já ele começa a espernear. Continua a mamar muito bem e a comer a sua sopa e para de fruta em 5 minutos. Agora percebo porque sempre mamou em 5 minutos e continuava a ganhar peso: o rapaz come à velocidade da luz.  As noites é que não têm sido as (...)