Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Seg | 21.03.16

Tirámos um dia de férias para brincar com a nossa filha

Na semana passada tivemos um casamento, ao qual a Lara não foi, e no dia seguinte foi a festinha de aniversário dela.

 

Acabámos por não estar assim tanto tempo com a nossa filha por isso decidimos tirar a segunda-feira para estar com ela.

 

De manhã, ainda com a casa "decorada para crianças" estivemos a brincar com os brinquedos novos durante um bom bocado, enquanto o pai descansava mais umas horitas na cama. Nunca me importou tão pouco ter a casa desarrumada. A Lara estava muito bem disposta e feliz e isso é tudo o que importa.

 

Depois do Milton acordar a prioridade foi despachar e aproveitar o dia de sol para passear  no parque da cidade. Aproveitei as "sobras" da festa de anos e enchi um cesto com empadas, bolinhos e quiche de atum para fazermos um piquenique no parque.

 

Antes de irmos para o parque, onde a Lara andou de triciclo e se fartou de rebolar no chão, passámos no café para beber alguma energia líquida. A Lara aproveitou para ler pela 20ª vez os livros que ganhou no aniversário.

 

Já no parque a Lara aprimorou a sua técnica de cair de cara no chão, o que ela parece achar divertidíssimo porque faz de propósito e desata a rir às gargalhadas.

 

É maravilhoso vê-la a rir e a correr pela relva e causa-me uma satisfação especial vê-la a rebolar livremente pelo chão. Um dia ela vai crescer e, provavelmente, não o vai poder fazer, mesmo que lhe apeteça. A mim apetece às vezes e não me sinto muito à vontade para o fazer.

 

Mas ainda corro pelos corredores de supermercado. :)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.